Connect with us

Mundo cristão

Pastor comenta caso DJ Ivis e alerta: “Deus não escuta oração de marido que bate”

Publicado

em

Após os vídeos das agressões cometidas pelo DJ Ivis contra a sua ex-mulher vir à tona, diversas personalidades se manifestaram através das redes sociais para protestar e sair em defesa da figura feminina. Entre essas está o pastor, escritor e youtuber Yago martins, que fez vários alertas sobre a violência doméstica à luz da Bíblia Sagrada.

“O assunto da violência doméstica é urgente, relevante. […] Sim, violência doméstica existe dentro do ambiente de igreja. Pessoas que frequentam igrejas, muitas vezes, podem não ser cristãs comprometidas com a ética cristã”, disse o líder da Igreja Batista Maanaim, em Fortaleza (CE).

Yago fez um vídeo explicando que a violência doméstica também é uma realidade que se apresenta no seio da igreja, entre os cristãos, mas que não reflete a verdadeira ética cristã, muito menos a sua doutrina, e sim o erro de pessoas que estão vivendo em pecado contra Deus.

“Isso acontece em igreja? Tenho certeza que sim. Mas essa não é a grande questão, porque em igreja acontece assassinato, assalto, tudo que vai contra a própria índole cristã. A gente tem que ficar de olho aberto, se envolver pastoralmente, educar as nossas filhas, ensinar os nossos homens e expulsar com pé na bunda e encarcerar aqueles que se dão a esse tipo de coisa dentro das igrejas”, defende o pastor.

Por fim, Yago Martins conclui dizendo que o homem agressor está com o seu relacionamento com Deus rompido, uma vez que a Bíblia ensina o marido a amar a sua esposa como a si mesmo, exatamente como Cristo ama a Igreja e deu a sua vida por ela, o que contraria completamente toda forma de agressão, inclusive a psicológica.

“Deus não escuta oração de quem não honra sua esposa. Deus não escuta oração de marido que não trata sua esposa como alguém mais frágil. Deus não escuta oração de marido que bate, que humilha”, alertou o pastor, citando 1 Pedro 3:7, que diz:

“Maridos, honrem sua esposa. Sejam compreensivos no convívio com ela, pois, ainda que seja mais frágil que vocês, ela é igualmente participante da dádiva de nova vida concedida por Deus. Tratem-na de maneira correta, para que nada atrapalhe suas orações”.

close

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.